Se você está cansado de trabalho
imensuráveis e busca por resultados,
fale com a gente.
A Tract é seu time de
crescimento, seu parceiro.

Rua Primeiro de Maio, 105,
2º andar, Volta Redonda/RJ
T. +55 21 99946-1872
[email protected]
 

Tract Co

See U in Mars – Árvore de problemas

Aplique essa ferramenta e chegue a conclusões mais rápidas com sua equipe para a resolução de problemas!

A árvore de problemas é utilizada para converter problemas reais em oportunidades de melhoria para o produto ou serviço.

Devido à sua simplicidade e versatilidade, a ferramenta pode ser utilizada também para:

Facilitar o diálogo e a concordância entre a equipe;

É convincente em apresentações porque identifica e mostra claramente os detalhes de questões complexas.

Divida sua árvore em: Galhos, Tronco e Raiz.

Galhos

Neles estão os problemas que são consequência do problema central. São seus efeitos. Na maioria das vezes, são os problemas que nós conseguimos sentir ou identificar com maior facilidade.

Tronco

Nele está o problema central, o que mais está relacionado com os outros, seja como causa, ou consequência.

Raiz

É a causa primária do problema. – e onde está a oportunidade!
Como montar a sua árvore de resolução de problema?

1° passo – Diga o problema de forma clara, para que todos da equipe entendam.

2° passo – Identifique as causas prováveis, utilizando uma análise de “cinco porquês”.

3° passo – Continue a desenvolver o segundo passo, desenvolvendo sub-questões – até obter um nível de entendimento claro para identificação da oportunidade.

Exemplo do 1 passo:

“Estamos recebendo diversas reclamações sobre o atendimento do nosso serviço.”

Exemplo do 2 passo:

Utilize a análise de “cinco porquês”.


1° porquê:

Por que as reclamações?

R: por conta da demora em nosso atendimento.

2° porquê:

Por que o atendimento está demorando?

R: Porque faltam atendentes suficientes para a demanda.

3° porquê:

Por que falta atendentes suficientes?

R: Não há contratações e há funcionários de férias.

4° porquê:

Por que essa deficiência ocorreu?

R: Não houve um plano de contingência.

5° porquê:

Por que não houve um plano de contingência?

R: Não há na empresa esse tipo de planejamento.


Conclusão com a árvore:

Os efeitos dos problemas

  • atrasos
  • demora no atendimento

geraram reclamações que são o problema central, pela falta de um plano para situações do tipo que foi a causa primária de tudo.

Exemplo do 3° passo:

Os efeitos dos problemas

  • atrasos
  • demora no atendimento

geraram reclamações que são o problema central, pela falta de um plano para situações do tipo que foi a causa primária de tudo.

Conclusão:

Galhos: Transforme os efeitos do seu problema em ações corretivas.


Tronco: Da mesma forma com a causa secundária do seu problema, transforme em uma oportunidade.


Raiz: Por fim, transforme a raiz do seu problema em uma solução.



E aí, esse conteúdo foi útil pra você?

Então compartilhe com um amigo, ou deixe seu comentário!
Toda quarta um “See U in Mars”, conteúdo sobre Startups, Gestão e Inovação com @gabrielbrevesm.

Powered by Rock Convert
Gabriel Breves

Um curioso com o propósito de melhorar a vida das pessoas. Apaixonado por cavalos, artes marciais e viagens. Especializado em Inteligência e Estratégia em Marketing pela ESPM. Crio e estruturo processos escaláveis e metrificáveis, diminuindo custos e otimizando todas as conversões de um funil. ps: dizem que o meu café é o melhor.

Sem Comentários

Poste um comentário