Se você está cansado de trabalho
imensuráveis e busca por resultados,
fale com a gente.
A Tract é seu time de
crescimento, seu parceiro.

Rua Primeiro de Maio, 105,
2º andar, Volta Redonda/RJ
T. +55 21 99946-1872
[email protected]
 

Tract Co

Indicação da Semana: Filme Jobs

Indicação da Semana: Filme Jobs

Quer se inspirar de verdade vendo um filme? Quer algo que te motive a empreender? Então, você precisa ver o filme Jobs.
Jobs é um filme biográfico da vida de Steve Jobs, fundador da Apple, aqui representado por Ashton Kutcher. O filme se passa na vida de Jobs desde sua época hippie (1974), até a fundação da Apple, mostrando toda sua trajetória no mundo do empreendedorismo daquela época.

Agora, vou falar só um pouco do filme, mas, fique tranquilo, não vou dar spoilers! Confira o trailer:

No início da Apple, Jobs e Steve Wozniak (sim, os dois fundadores se chamavam Steve) criaram o Apple 1, que já vinha sendo desenvolvido por Woz. O Apple 1 era apenas uma placa PCB* cheia de componentes eletrônicos que precisavam, ainda, de mais algumas peças para, então, virar um computador funcional.

*Placa PCB é aquela placa verde cheia de circuitos eletrônicos que vemos nos eletrônicos, como controles, computadores e etc.

Jobs e sua equipe, então, começam a apresentar suas placas em feiras de tecnologia, porém são amargamente reprovados, porque não apresentaram um produto completo, mas somente uma placa. Então, ao sair de uma dessas apresentações, um pequeno investidor aborda Jobs, mostrando-se interessado e o convida para uma conversa.

Nesta conversa, Jobs consegue vender sua primeira encomenda: 50 unidades do Apple 1 por 500 dólares a unidade, com a entrega em 60 dias (numa conta rápida, isso gera 25 mil dólares). Logo aqui, já aparecem os poderes de negociação de Steve Jobs, além de pequenas demonstrações de perfeccionismo na produção das placas, onde até os componentes deveriam ser milimetricamente simétricos, ainda que não ficassem visíveis – pensamento que até hoje perdura nos produtos Apple.

Após sua primeira negociação e venda com o vendedor, Jobs ainda deixa o vendedor curioso sobre seu novo produto, o Apple 2. Na época, este não havia nem sido desenvolvido, mas Jobs já tinha melhorias a fazer do Apple 1.

Depois disso, é aqui que o filme começa: A primeira produção da Apple, seu primeiro desafio e os principais movimentos de Jobs que levaram a Apple a ser o que é hoje.

Isto é para os loucos. Os desajustados. Os rebeldes. Os criadores de caso. Os que são peças redondas nos buracos quadrados. Os que vêem as coisas de forma diferente. Eles não gostam de regras. E eles não têm nenhum respeito pelo status quo. Você pode citá-los, discordar deles, glorificá-los ou difamá-los. Mas a única coisa que você não pode fazer é ignorá-los. Porque eles mudam as coisas. Eles empurram a raça humana para frente. Enquanto alguns os vêem como loucos, nós vemos gênios. Porque as pessoas que são loucas o suficiente para achar que podem mudar o mundo são as que, de fato, mudam.

Jobs, Steve. 1984.

Considerações Finais

O filme é bem rápido e conta muito bem a história da Apple. Resolvi indicá-lo em primeira mão a vocês por ser um grande fã de Jobs. Além disso, ele traz um conteúdo muito rico sobre empreendedorismo e sobre como superar desafios enquanto se passa por problemas de mercado, de inovação, de liderança de equipe, de divisão de responsabilidades e sem se esquecer, é claro, de conciliar tudo isso à vida pessoal.
Ficou curioso? Veja o filme e depois nos diga o que achou!
Vitor Ferrara

Product Designer na Tract Co, amo jogos de ação, tecnologia, gatos e plantas. Bacharel em Design pela UniFOA, sou apaixonado por ajudar as pessoas, principalmente através de produtos e serviços. Sou muito curioso, busco sempre aprender coisas novas e espero um dia ser lembrado por ter feito algo que mudou o mundo para melhor.

Sem Comentários

Poste um comentário